segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Pesca na falésia - Parte 2

Caros leitores e seguidores do blog,
 
Na continuação do último post optou-se por pescar no dia seguinte de noite com bóia luminosa, devido à presença da lua.
 
O local escolhido foi precisamente o mesmo, dado que o resultado da última pesca aliado às condições de mar e sem a presença de vento, sugeria uma aposta clara no mesmo sitio.
 
Com o engodo a ser jogado pela falésia abaixo de forma espaçada e precisa, no esplendor da lua o António ferrou um outro exemplar de 4,400kgs. Paulatinamente, durante a manhã foram capturados uns sargos onde a nota de destaque vai para um sargo de 1.980kgs, diga-se de passagem o meu record pessoal!
 
 
Pelo meio, foi capturado mais um robalo assim como um robalote, uma avária e uma liça.
 
 
O robalo do António... SORTUDO, o seu novo apelido! LOL
 
 
E o sargo grande!
 
 
 Gostaria de fazer uma ressalva mas pela negativa, a de relembrar a todos os pescadores lúdicas que o defeso ao sargo é uma realidade pelo que aconselho vivamente a saber esperar que termine esta calamidade e reiniciar a captura ao sargo assim que esta maldita lei o permita.
 
Abraço e até ao próximo relato.
 
NC



 
 

quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Pesca na falésia - Parte 1

Caros leitores e seguidores do blog,
 
Reunidas as condições ideais para pescar da falésia à boía, a engodar e a iscar com sardinha foi selecionado um pesqueiro que devido às suas características precipitam o aparecimento de várias espécies, entre as quais se destacam o sargo e robalo.
 
Na realidade, vieram-se a confirmar as nossas melhores expectativas com a captura de um robalo de 4,700 kgs assim como mais 4 peixes compridos significativamente mais pequenos. Adicionalmente ainda foram capturados 3 sargos e umas boas liças para compor o ramalhete.

 
António com o seu troféu!
 
 
A foto ilustra claramente o tamanho do peixe com uma boa parte do mesmo a sair fora do cesto!
 

 
Abraço e até à próxima postagem.
 
NC


quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Meia maratona

Caros leitores e seguidores do Blog,
Tal como o titulo indica, este foi um dia de pesca preenchido, uma vez que as condições assim o proporcionavam, com perspectivas de apanhar uns bons peixes, o que veio a acontecer.



A combinação com o Cris e o Manel foi rápida para chegarmos cedo ao local cedo no intuito de procurar o melhor poiso para espetar as canas. Antes de darmos inicio à pesca ainda fui apanhar uns mexilhões e perceves para o petisco.



A pesca ao fundo começou fraca, com poucos toques e iscas ratadas por pequenos peixes, pelo que decidimos investir no corrico e em boa hora o fizemos! Nos primeiros quatro lançamentos ferro 4 peixes mas só consegui tirar um... O Manel teve mais sorte e conseguiu lograr dois bons peixes.



Amizade, boa disposição e camaradagem sempre presentes!

Já sem cota d´água para corricar, voltamos a colocar as minhocas de molho e ainda deu para apanhar uma bela raia...



...e partir uma bobine com o peixe já aos pés : (


B€l@ & M€rd@!!!

Saúde, da boa, para todos! ; ))