quarta-feira, 21 de junho de 2017

Férias de Verão

Caros leitores e seguidores do Blog,

Começa hoje o Verão e os Marafados vão de férias, não sem antes deixar aqui algumas fotos e relatos de pescas que ocorreram durante este mês em que estivemos ausentes das postagens. Espero que gostem e que se divirtam tanto como nós nos divertimos.


Anchova

Pesca com o meu camarada Nuno que proporcionou, entre muitos robalotes devolvidos, a captura desta bela Anchova com direito a dedicatória.




Douradas

Desta feita uma pesca na companhia do meu filho que culminou na captura de uma valente matulona.



Dias depois apanhei outra...


...e uns tempos antes, na companhia dos amigos Francisco e João, capturei uma dourada que ficou registada nesta sequência de fotos. Fácil!






Sargos

À boia, com o amigo Tiago, saíram uns belos matateus que, infelizmente, não ficaram na foto... Para registo ficaram as fotos de verdadeiros momentos de amizade, camaradagem e a captura dum sargo.




Dias depois, na companhia do meu camarada Nuno, uma pesca ilhada, à chumbica, proporcionou a captura de mais uma teca de sargos, desta vez com direito a foto.




Sardinha

Aproveitei um fim de semana prolongado para acompanhar o meu amigo Luís Pedro numa pesca à sardinha a bordo da sua traineira de cerco.





Bica

A pescar ao fundo, de cima da rocha, capturei esta bela bica.


Como já devem ter reparado a maioria das pesca foram feitas durante o aceio da manhã devido às altas temperaturas que se têm feito sentir, facto esse que vai levar os Marafados às merecidas férias com a promessa de voltarmos às postagens assim que passe o Verão e as temperaturas baixem. Até lá desejamos a todos os leitores, seguidores do blog e seus familiares umas boas férias!

Saúde, da boa! ; ))

segunda-feira, 8 de maio de 2017

O jogo da Dourada Amarela

Caros leitores e seguidores do Blog,

Alertamos para o facto de qualquer semelhança com a realidade ser pura coincidência

Para iniciar este jogo terá de levantar o rabo do sofá, colocar o material de pesca no carro e dirigir-se ao pesqueiro mais próximo. Monte as canas e meta a minhoca de molho. Aguarde, espere.............espere, não se atire da rocha abaixo nem se mutile!!! Aproveite para contemplar a natureza, apreciar a paisagem e espairecer a cabeça.
Se vir a cana picar dê uma ferrada e receba grátis um shot de adrenalina. Caso a Dourada seja grande demais meta o cesto e puxe-a para cima. Quando conseguir capturar mais do que um exemplar já passou de nível. Está na hora de arrumar a trouxa e seguir para casa pois no dia seguinte novo desafio surgirá.


Na eventualidade de conseguir apanhar um Polvo à cana, coisa que nem sempre é fácil, passará imediatamente dois níveis duma assentada só e um bónus suplementar de uma bela arrozada do cefalópode.


Conselho para os mais jovens: moderem a utilização dos telefones, computadores, jogos e Tv e vivam sensações reais, experiências positivas e desfrutem da vida ao máximo!

Saúde, da boa, e bom jogo! ; ))

quinta-feira, 4 de maio de 2017

Ilhada da Liberdade

Caros leitores e seguidores do Blog,

Para assinalar o dia da Liberdade nada melhor que uma ilhada porque este tipo de pesca possibilita o contacto com a natureza no seu estado mais puro, bem como a ausência de pessoas, o que nos dá um sentimento de liberdade total.


O dia começou bem cedo com uma escalada, seguido de uma sessão de barbatana até à ilha. Antes de começar a pescar apanhei umas belas unhas para o petisco.


Com o virar da maré o peixe começou a entrar a bom ritmo à procura dos perceves e mexilhões que ficaram partidos ou meio agarrados à pedra.


Como tinha o trajecto de volta para fazer, o qual não é nada fácil, rapidamente dei por terminada a jornada uma vez que o peso do pescado e marisco já eram mais que suficientes para levar um valente empeno nas costas e pernas e também porque haviam mais jornadas de pesca pela frente, as quais oportunamente irei relatar.



Haja saúde! ; ))