terça-feira, 10 de março de 2015

Apanha de isco - Lingueirão

Um dia sem ir à pesca não significa necessariamente que esteja tudo perdido... Podemos aproveita-lo da melhor maneira com uma ida à maré, seja na ria ou no rio, para apanhar uns lingueirões (Solen marginatus) para iscar e não só!
Uma mochila pequena para transportar o sal, calçado apropriado e um balde, é quanto baste. Também podemos levar também uma garrafa de água para a sede, um snack ou peça de fruta e o calçado, consoante seja Verão ou Inverno, umas botas de neoprene com rasto ou botas de borracha.


Este bivalve encontra-se enterrado em zonas de areia ou lodo e a sua toca é facilmente reconhecida pela forma de uma fechadura. Para o capturar basta deitar sal e esperar que saia. Fica aqui um pequeno video exemplificativo.

video

A melhor forma de acondicionar o lingueirão para durar uns dias é fazer uns molhos e aperta-los com elásticos para que não deite fora a água que tem no seu interior, cobrir com um pano húmido e colocá-los no frigorífico.


O lingueirão é bastante apreciado na culinária e existem várias maneiras de o confeccionar. Deixo aqui duas sugestões, uma para entrada ou petisco e outra para refeição.

Lingueirão à Bulhão Pato


Um belo arroz de lingueirão


Nota
Caso o lingueirão seja para comer, há que ter muita atenção aos avisos de interdição da apanha devido à presença de toxinas. Consultar o site do Instituto Português do Mar e da Atmosfera.
Ajude a preservar o ambiente trazendo as embalagens de sal vazias e depositando-as no lixo. Obrigado!


Saúde, da boa! ; ))

11 comentários:

Manuel Oliveira disse...

Boas Paulo,
Afinal andas por ai a aproveitar a maré.
Belas receitas!
Mas afinal a apanha do lingueirão não estava interdita, por o seu stock estar sobrexplorado?!?

Forte Abraço e aperta com eles

Pedro Nunes disse...

Atão Sr. dos atravessados como é que tá o esqueleto??
Foste óh laguerão!!!! E uma bela duma feijoada que isso dava ;))

Já vi que andaste a fazer umas marés porreiras e na me digas que na trouxeste a boca pa casa hahahhaha...

Tá quase na altura de começares a molhar o rabiosque ;)

Abraço e força aí.

Cristóvão Veríssimo disse...

é Déhh!! Gastas o sal todo num só canivete!!
Ja andas a guardar lingueirão para as douradas!!
Como tá essa perna Palinhe?

Grande abraço

Joao Santana disse...

Grande PJ, espero que esse esqueleto já esteja melhor.
Adoro esse petisco pá, essas fotos estão com um aspecto:):) delicioso:):)
Um abraço e força, saudinha....

PêJotaFixe disse...

Viva Manel da Ilha,
Epá, estas fotos já tinham sido tiradas há bastantas marés atrás, muito antes do acidente. eheheh
Sim, a apanha está interdita no centro e sul do país mas para os profissionais. A apanha lúdica é permitida até aos 2Kgs.

Alô Zé Lobão,
O esqueleto vai andando...devagar, em recuperação...
Opá, feijoada e papas de lingueirão são das minhas receitas favoritas. Fritinhos e abertos na chapa também são um grande piteu.
Não trouxe a boca para casa porque já estão quase em vias de extinção. Lembro-me que antigamente estava de monte, aos pontapés, e agora quase não se vêem por estas bandas.
As ilhadas têm que ir com calma mas fico à tua espera para dar a estreia. eheheh

Atão Corvo Marinho,
Aquilo foi só pró filme, pá! LOL
É verdade, tenho uns molhes guardados para as matulonas. eheheh
Quando tiver fino temos que combinar ai uma investida ilhados pró Lobo molhar o pêlo. LOOOL

Mékié Jony,
O esqueleto ainda precisa de umas afinações até ficar bom. eheheh
Quando tiver a 100% ver se combinamos um petisco de lingueirão porque se ficamos à espera dos tordos do Papa Chibos ainda morremos à fome. LOOOL

Saúde, da boa, para todos! ; ))

Francisco Belo disse...

Atão Paulo!!
Estou a ver pelos comentários, que o cabedal está a recuperar dos mortais à retaguarda :)
Grande petisco e isco que tu arranjas aí pela zona.
Para mim, o petisco com esses maganos pode ser de qualquer maneira...
Forte abraço

PêJotaFixe disse...

Viva Chico,
Estas coisas levam o seu tempo, porque a recuperação é lenta, mas a força e o querer são superiores e daqui a uns tempos espero estar de volta.
Felizmente, aqui no Algarve existem muitos petiscos e várias formas de os fazer.

Saúdinha e boas varadas! ; ))

Sargus disse...

Ora viva, já vi que começaste na fisioterapia... Recompõe-te bem que é para irmos aos diplodus

Abração

Anónimo disse...

Boas, foi interessante ver a apanha do lingueirão!! Para quem está começando agora nas lides piscatórias e afins foi exemplificativo! Enquanto partilha as suas actividades há sempre alguém deste lado que aprende uma coisa nova!

Saúde

PêJotaFixe disse...

Tava a precisar de fisioterapia mas era depois de ter ido apanhar lingueirão porque aquilo dá cabo das costas dum gajo! LOL
Deixa ver, tem que ser tranquilo, não dá para abusar ; )

Caro Anónimo, obrigado pelas suas palavras. ; )
A criação do tópico "Apanha de Isco" foi com o intuito pedagógico e também porque a pesca não é só apanhar peixe, é muito mais!

Saúdinha para ambos! ; ))

PêJotaFixe disse...

Tava a precisar de fisioterapia mas era depois de ter ido apanhar lingueirão porque aquilo dá cabo das costas dum gajo! LOL
Deixa ver, tem que ser tranquilo, não dá para abusar ; )

Caro Anónimo, obrigado pelas suas palavras. ; )
A criação do tópico "Apanha de Isco" foi com o intuito pedagógico e também porque a pesca não é só apanhar peixe, é muito mais!

Saúdinha para ambos! ; ))